Publicidade - OTZAds

A nova pandemia Coronavírus tem provocado verdadeiras rupturas com muitas formas de trabalho no mundo, e no Brasil de forma geral, em especial governo do Acre.

A nova pandemia de Covid-19, que tem exigido como melhor medida preventiva o isolamento social de grande parte da população, ainda não assustou o Governo do Acre, que por meio da Secretaria de Produção e Agronegócio (Sepa), tem se esforçado para manter apoio ao produtor rural, principalmente àqueles da agricultura familiar.

Na última sexta-feira, 3, o secretário de Produção e Agronegócio, Edivan Maciel, se reuniu na Central de Abastecimento de Rio Branco (Ceasa).

Governo Do Acre Garante Apoio Ao Produtor Rural Durante Isolamento 11 de abril de 2020

Eles se reuniram com representantes da agricultura familiar, entre associações e cooperativas, para tratar de novas e mais seguras formas de comercialização Governo Acre.

Embora seus produtos durante a pandemia, sejam responsáveis por manter o abastecimento da cidade e o rendimento dessas famílias.

Entre outras ações de emergência realizadas a favor dos produtores, equipes da Sepa também ajudaram a comunidade do Ramal 16, no município de Plácido de Castro.

Governo do Acre – ações sobre o coronavírus

A ponte que ligava parte do ramal cedeu e os produtores da região solicitaram um tanque de resfriamento de leite em caráter de urgência. Para minimizar os prejuízos, sendo prontamente atendidos pela secretaria.

Além disso, a colheita de milho e soja segue no estado em várias regiões, principalmente com o apoio do maquinário do governo do Estado. E o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) também segue firme onde, por meio de verba federal.

Portanto, a Sepa adquire produtos da agricultura familiar a um bom preço para os produtores e os distribui para entidades assistencialistas.

Foi por meio do próprio PAA que a Secretaria de Estado de Assistência Social, dos Direitos Humanos e de Políticas para as Mulheres (SEASDHM).

Essa  parceria com a Secretaria de Estado de Produção e Agronegócio (Sepa), entregou aproximadamente 350 quilos de alimentos aos imigrantes venezuelanos que estão abrigados na Cidade do Povo.

Mesmo com toda essa problemática do período de isolamento social, a Sepa continua trabalhando para que haja uma produção rural forte no Governo do  Acre. Assim com a consolidação do agronegócio, com geração de renda para o homem do campo, principalmente aqueles que vivem da agricultura familiar.

Por fim, eles declararam que as equipes continuam aguerridas e focadas nessa missão, tomando todos os cuidados contra a pandemia.

Gostou? Para mais notícias, locais clique aqui.