A Fiat-Chrysler (FCA), líder no Brasil com 18,8% do mercado em 2019,  ora segue os planos de investimentos no país, logo após entrevista coletiva em Betim.

Segundo presidente da FCA Latam, Antonio Filosa, montadora confirmou fará seis lançamentos 2020,  já que nova picape Fiat Strada, deve chegar às lojas em abril.

Continua apos a publicidades

Bem como versões híbridas do Jeep Compass e do Jeep Renegade, além do Fiat 500 elétrico e da picape RAM 1500 e um novo modelo Jeep.

Betim Entrará Em Operação Neste Ano Com Nova Fábrica De Motores Da FCA 17 de fevereiro de 2020

Filosa antecipou também que nova fábrica de motores 1.0 e 1.3 turbo em Betim, região metropolitana de BH, visto que entrará funcionando ainda neste ano.

Continua apos a publicidades

“Teremos dois grandes momentos da FCA em Betim neste ano. Primeiramente será o lançamento da nova geração da picape Strada no segundo trimestre, que é líder.

De tal forma que grande empolgação para Betim é a nova fábrica de motores turbo, que começa a produzir no fim deste ano”, afirmou.

Maior da América Latina

A nova instalação vai gerar 1.200 novos empregos no Polo Automotivo de Betim, que passará a ser a maior fábrica de powertrain da América Latina.

Após abertura da nova fábrica motores turbo no fim 2020, ano que que vem a planta em Betim irá começar produzir outros dois utilitários-esportivos inéditos da Fiat.

Continua apos a publicidades

Uma nova linha de motores turbinados deve estrear na nova geração da picape Toro, que deve chegar ao mercado no primeiro semestre de 2021.

Apesar do evidente otimismo da FCA,com a atual alta histórica do dólar no Brasil e do preço de alguns commodities preocupam o presidente da montadora.

Segundo Filosa, na fábrica de Betim, 90% das peças utilizadas nos carros são feitas Brasil, no entanto, muitos dos fornecedores marca compram materiais dolarizados.

“Apesar do dólar alto, o preço de alguns commodities, sobretudo metais preciosos, está nas alturas hoje, isso é um grande problema porque foge controle.”

Segundo ele, o aporte de R$ 14 bilhões anunciado pela matriz da montadora para a FCA Latam será até 2024, destes sendo R$ 8,5 bilhões para a planta em Betim.

Em suma segue inalterado podendo ser até elevado após a união com o grupo francês.“Com a fusão, seguramente surgirão outras oportunidades de investimentos”, garantiu Filosa.